Últimas ... Ataque a bomba em Kandahar, no Afeganistão, mata 3 e fere 13


Ataque a bomba em Kandahar, no Afeganistão, mata 3 e fere 13

O atentado, que matou pelo menos um policial afegão, junta-se a um aumento nos ataques contra a agentes da lei do Afeganistão.

Um dispositivo explosivo improvisado ligado a uma motocicleta em Kandahar, Afeganistão, matou um policial e dois civis no domingo, segundo relatos.

Treze pessoas, incluindo dois policiais e 11 civis, ficaram feridos na explosão, a agência de notícias Xinhua relatórios.

A bomba explodiu em uma unidade de polícia que patrulhavam o local por volta das 18:45, Zia Durrani, porta-voz da polícia da província de Kandahar, disse a Xinhua.

O ataque, que permanece não reclamados, ocorre em meio a um aumento nos ataques de militantes contra as forças de segurança afegãs.

De acordo com autoridades americanas e afegãs, cerca de 330 soldados e policiais afegãos são mortos ou feridos a cada semana em ataques do Talibã, e o nível de baixas entre as forças nas primeiras 15 semanas de 2015 foi de 70 por cento mais elevados do que durante o mesmo período do ano passado.

Os militantes alegou ter matado até 25 policiais em ataques contra postos de controle - alguns tripulados por dois a três oficiais - em áreas remotas da província de Helmand.

Cerca de meia dúzia de homens armados do Talibã foram mortos em um ataque frustrado no Parlamento do Afeganistão, em Cabul, em junho.

Em torno do mesmo tempo, as forças de segurança afegãs alegaram ter matado cerca de 17 talibãs em um contra-ataque no distrito da província de Kunduz norte do país, onde os militantes haviam invadido.

Segundo as Nações Unidas, os ataques do Talibã em 2014 matou 3.700 civis e feriram até 6800.

RECOMENDADO: