Marketing de conteúdo quanto mais cedo você souber melhor


Marketing de conteúdo quanto mais cedo você souber melhor

Já pensou se você tivesse um vendedor super capacitado, atencioso e que lhe gerasse um grande número de vendas mensalmente.

Pode não parecer, mas o nome desse vendedor é conteúdo relevante, algo que ainda não é devidamente reconhecido por muitos empreendedores. Confira a entrevista com Sonia Simone, co-proprietária do Copyblogger, um dos maiores blogs de marketing de conteúdo do mundo.

Quem é Sonia Simone e o que é o Copyblogger?

Sonia trabalhou por muito tempo liderando uma equipe de escritores que produzia conteúdo para diversas plataformas, como sites e e-books. Na época ela não sabia, mas estava trabalhando com marketing de conteúdo.

Em um evento ao vivo ela conheceu Brian Clark, advogado e empreendedor fundador do copyblogger. Eles acabaram formando uma parceria, dando resultado ao Copyblogger que todos conhecem hoje.

De um simples blog com 2 conteúdos por semana, ele passou a ser uma empresa com 30 pessoas e mais 110 mil clientes, recebendo 500 mil visitas únicas por mês.

Como o Copyblogger cresceu somente com conteúdo?

Sonia conta que Brian tinha grandes habilidades de gerar resultados a partir de conteúdo, mas que o verdadeiro salto foi quando ele conheceu a Launch Formula (versão americana da Fórmula de Lançamento), criada por Jeff Walker, um dos mentores de Erico Rocha.

Brian trabalhava com venda de imóveis, e seguia esse procedimento:

- Escolhia a vizinhança que ele queria vender
- Criava conteúdo que educava o cliente, com foco naquela área
- Mostrava como os seus serviços poderiam beneficiar essas pessoas

Ao organizar tudo isso com a metodologia da Fórmula de Lançamento, Brian percebeu como isso poderia ser feito para criar qualquer tipo de conteúdo.

Você dá informação de valor, a pessoa consome, é beneficiada por isso, e volta para consumir mais.

Quando ela precisa de um determinado produto, irá atrás de você, alguém com quem ela já possui uma relação de confiança.

Isso também funciona quando ela não está procurando um produto, pois você possui credibilidade suficiente para fazer com que ela preste atenção no que você está anunciando.

Foi assim que o Copyblogger conseguiu crescer. A parte mais difícil de investir em marketing de conteúdo

Segundo Sonia, há dois marcos muito importantes para que você atinja resultados com marketing de conteúdo: 100 e 1000 pessoas (seguidores, inscritos, cadastrados).

A partir do momento que você tem 100 pessoas que, fielmente, consomem seu conteúdo, significa que você está em um nível que as pessoas querem prestar atenção para o que você fala.

Chegar em 1000 pessoas é recompensador, pois é a partir deste marco que suas mensagens irão se propagar com força pela internet, e a tendência é crescer cada vez mais depois disso.

Sonia também fala que é mais fácil manter tudo funcionando. Quando você começa do zero é como se estivesse empurrando um caminhão sem motor. No entanto, ao atingir um público composto por mais de 1000 pessoas, você terá um caminhão com motor ligado e funcionando perfeitamente.

Como posso girar a chave e dar ignição?

Imagine que o motor do seu caminhão é o método que você utiliza para adquirir tráfego. Muitas vezes, tráfego pago pode ser bom para começar, mas Sonia diz que uma ótima forma de fazer isso é com a sua própria rede de contatos: Facebook, Twitter, Google +, pessoas que você conhece em eventos ao vivo, entre outros.

Você precisa, no entanto, observar alguns detalhes:

- É preciso ser uma boa pessoa para investir em marketing de conteúdo. Você não pode mentir ou enrolar o seu público, jamais.

- O conteúdo precisa ser relevante para algum nicho. Informação desnecessária não trará os resultados que você espera.

- O conteúdo não precisa estar necessariamente dentro da sua área de atuação.

Sonia dá o exemplo dos blogs feitos por mães de família, que falam sobre coisas do cotidiano. Essas pessoas conseguem se encaixar bem no assunto de saúde, pois qualquer mãe tem o desejo de cuidar da saúde do filho.

Se posso investir no tráfego pago, por que investir no marketing de conteúdo?

Se tráfego pago dá resultados, por que eu iria investir na geração de conteúdo com tráfego orgânico, que é bem mais trabalhosa e demorada?

O primeiro ponto são os gastos: investir tráfego pago pode ser uma boa ideia para alavancar os negócios em um primeiro momento, mas nem sempre é possível manter essa engrenagem trabalhando, pois os custos são altos.

Além disso, você não pode deixar que suas únicas fontes de tráfego sejam completamente dependentes de empresas de terceiros, como Google e Facebook.

O tráfego orgânico pode demorar mais para gerar resultados, mas uma vez que a semente é plantada, o seu relacionamento com o público será muito mais forte e difícil de ser quebrado. Isso é algo que irá perdurar, mesmo que os algoritmos dos mecanismos de buscas deixem de lhe ajudar.

Recapitulando

- Como o Copyblogger ganhou destaque com marketing de conteúdo
- A parte mais difícil de investir nesse modelo
- Por que você não deve confiar completamente no tráfego pago