Sete funcionários da prisão são acusados de conexão com a fuga de 'El Chapo'


Sete funcionários da prisão são acusados de conexão com a fuga de 'El Chapo'

Sete pessoas que trabalhavam na prisão de segurança máxima onde estava Joaquin "El Chapo" Guzman foram acusados ​​em conexão com sua fuga.

O procurador-geral do México disse sexta-feira em um comunicado. 


Os funcionários da prisão vão ser presos e a investigação continua, disse o comunicado. Na quinta-feira, o ministro do Interior do México disse que na noite da fuga em que Guzman escapou, levou 18 minutos para os guardas chegar à sua cela.

Os investigadores estão tentando determinar se o tempo de resposta dos guardas contribuiu para a sua fuga em 11 de julho. Se a fuga de El Chapo teve ajuda dos guardas então não é só no Brasil que o dinheiro sujo pode fazer milagres.