Serena Williams volta a bater Watson em Wimbledon


Serena Williams volta a bater Watson em Wimbledon

Serena Williams, mais uma vez encontrou uma maneira de vencer Watson em Wimbledon.

Um dia após Dustin Brown protagonizar a maior zebra de Wimbledon ao eliminar o espanhol Rafael Nadal, Serena Williams quase ampliou a lista de favoritos derrotados na primeira semana no All England Club.

Em jogo que parecia perdido no terceiro set, quando chegou a estar com 3 a 0 contra e viu a adversária sacar para a vitória, a atual líder do ranking reagiu e venceu a britânica Heather Watson (59º) por 2 sets a 1, parciais de 6-2, 4-6 e 7-5, em 2h14min, em um dos confrontos mais movimentados da chave feminina.

Pentacampeã no All England Club, Serena ainda frustrou o público presente: Watson, que nunca chegou à oitavas de final de qualquer Grand Slam, era a única tenista da casa viva na chave feminina.

A 59ª do ranking Watson, suportou durante todo o jogo uma torcida barulhenta, jogou a partida de sua vida, mas ficou longe de se tornar a primeira mulher britânica a vencer um No. 1 desde Sue Barker derrotar Chris Evert em Boston em 1979.

Nas oitavas de final, Serena enfrentará Venus, sua irmã mais velha, que venceu a sérvia Aleksandra Krunic por 2 sets a 0, parciais de 6-3 e 6-2.

As duas já se enfrentaram 25 vezes, com vantagem para Serena, que venceu 14 dos confrontos. No entanto, na última vez em que se enfrentaram, foi Venus que se deu melhor: em 2014, ela bateu a irmã mais nova na semifinal do WTA de Montreal, no Canadá.