Bateria de hidrogênio pode fazer iPhone funcionar por uma semana


Bateria de hidrogênio pode fazer iPhone funcionar por uma semana

A Apple estaria auxiliando a empresa responsável pela tecnologia para viabilizar a nova bateria de hidrogênio.

Recentemente, cientistas do MIT anunciaram uma bateria que recarrega o celular em seis minutos. Agora, cientistas da empresa britânica Intelligent Energy desenvolveram uma bateria que tem uma duração mais longa do que a média: ela chega a durar uma semana.

O protótipo utiliza hidrogênio e oxigênio para funcionar e gerar energia. O processo acaba gerando vapor e calor, que são dispersos por furos feitos na traseira de um case a ser vendido.

O mais interessante de tudo, porém, é o fato de que não é necessário ligar o smartphone em uma rede elétrica para ser recarregado. Basta plugar no dispositivo um fone que bombeia hidrogênio, recarregando-o rapidamente.

Apesar do funcionamento impecável, os executivos chamaram a atenção para o fato de que ainda não é viável vendê-lo ao público em geral. “Temos agora que conseguir fazer uma célula de combustível tão fina que possa se encaixar no chassis existente dos celulares, sem alterações e mantendo a bateria recarregável”, diz Henri Winand, diretor executivo da Intelligent Energy. ”Este é um passo importante.”

Rumores ainda alertam que a empresa britânica estaria trabalhando com a Apple para viabilizar ainda mais rapidamente a tecnologia e, em breve, comercializar com os iPhones. Procurada pelo The Telegraph, a Apple não quis comentar o assunto.