Mulher é procurada por ajudar no atentado em Bangcoc


Mulher é procurada por ajudar no atentado em Bangcoc

A polícia está procurando uma "mulher vestindo uma camisa preta" ela tem conexão com o bombardeio mortal no santuário de Erawan em Banguecoque.

A polícia destacou um suspeito principal, descrevendo-o como um estrangeiro não identificado que foi capturado em vídeo vigilância escondendo uma mochila debaixo de um banco no santuário minutos antes da bomba ser detonada.

Mais - Governo pede ajuda à Interpol para encontrar suspeito do ataque em Bangcoc

Pelo menos 10 pessoas podem ter participado no atentado, mas o ataque é improvável de ser ligados a grupos terroristas internacionais, as autoridades tailandesas disseram.