Apple está condenada sem Steve Jobs


Apple está condenada sem Steve Jobs

Muitas vezes é dolorosamente óbvio que as apresentações públicas de grandes empresas são ditadas pela política interna mais do que carisma.
 
Jobs tinha a estatura inquestionável para resolver tais argumentos, e seu carisma inato lhe permitiu manter o foco incansável na elaboração de um bom coesa espetáculo. Eu acho que nós vimos um movimento de coesão na WWDC deste ano.

Em termos de dramaturgia, este evento foi muito bem estruturado e editado. Isso está em contraste com a WWDC keynote de junho, o que foi, pelos padrões da Apple, um pouco de bagunça desconexa.

Em retrospectiva, penso que este ano WWDC keynote foi o pior evento da Apple em anos, e talvez o pior na moderna (pós-reunificação NeXT) era Apple.