Apple lança primeira versão árabe do Siri


Apple lança primeira versão árabe do Siri

Apple lançou uma versão do seu assistente pessoal virtual Siri para o árabe nos Emirados Árabes Unidos e Arábia Saudita, o que poderia tornar seus iPhones mais atraentes em um mercado em grande parte afluente de mais de 30 milhões de pessoas.

O movimento, faz parte das últimas atualizações de software da Apple, significa que as pessoas nesses países vão ser capazes de usar o Siri em sua língua nativa em iPhones, iPads e Apple Watch.

"Isso é parte da consumerização e personalização de serviços baseados em TI que estamos vendo em todos os níveis da indústria", disse Paul Black, diretor de telecomunicações e mídia da IDC Oriente Médio, Turquia e África.

Apple e seu concorrente principal do smartphone, Google, saturaram os Estados Unidos e Europa Ocidental, com seus dispositivos, deixando mercados como o Oriente Médio, China e Índia como alguns dos lugares privilegiados para crescer.

Apple já possui forte reconhecimento da marca no Oriente Médio, especialmente entre os consumidores high-end, disseram analistas. A abertura de duas lojas de varejo nos Emirados Árabes Unidos em outubro deixou os fãs em um frenesi, segundo a imprensa local.