Aumenta a pressão sobre a líder sitiada Dilma Rousseff


Aumenta a pressão sobre a líder sitiada Dilma Rousseff

O presidente da câmara concordou quarta-feira em iniciar um processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, aumentando a pressão sobre a líder sitiada num momento em que ela está de braços dados com uma grave crise na economia e um escândalo de corrupção colossal em seu governo.

A jogada de Eduardo Cunha, o presidente da Câmara, que está lutando contra acusações em um esquema de suborno, abre uma nova fase de incerteza no Brasil. A votação no Congresso sobre a possibilidade de impeachment de Dilma deverá envolver semanas de negociações políticas delicadas, tornando difícil para um processo seguir em linha reta antes de um recesso de férias previsto para começar no final deste mês.
"Neste momento, o governo tem os votos no Congresso que ele precisa para evitar o impeachment de se materializar", disse Brasílio Sallum, sociólogo da Universidade de São Paulo, que é uma autoridade em um processo de impeachment no Brasil.
"Mas a situação política é tão volátil que as coisas poderiam facilmente mudar em algumas semanas a partir de agora", acrescentou o Sallum.

Cunha, que é um congressista conservador do Rio de Janeiro, alega que Dilma usou indevidamente recursos de bancos estatais para cobrir déficits orçamentários.

Oponentes de Cunha afirmam que ele aceitou o pedido de impeachment como uma forma de retaliação contra Dilma após legisladores em seu partido o procurarem quarta-feira para removê-lo do seu posto enquanto ele permanece sob uma nuvem de investigação.

Seus partidários de esquerda têm comparado o impulso para impeachment de um golpe de Estado, alegando que os adversários de Dilma estão manipulando as instituições políticas em uma tentativa de derrubar seu governo que não é nada bom.
Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. Diz isso na nossa Constituição.
Na verdade o Brasil quer mais do que apenas um impeachment.