Ex-oficial da CIA: o Irã "agiu de forma responsável" no incêndio a Embaixada saudita


Ex-oficial da CIA: o Irã "agiu de forma responsável" no incêndio a Embaixada saudita

Ex-vice diretor da CIA, Michael Morell disse no domingo que o Irã "agiu de forma responsável" em lidar com manifestantes que incendiaram a Embaixada da Arábia Saudita em Teerã.

Uma multidão se reuniu em frente à embaixada saudita em Teerã no domingo, após a Arábia Saudita anunciar que tinha executado clérigo xiita Sheikh Nimr al-Nimr no ​​sábado, juntamente com 46 outros. Alguns dos manifestantes atiraram coquetéis molotov no prédio, que desencadeou um incêndio.

"Ao mesmo tempo que os Estados Unidos estão buscando diminuir as tensões na região em busca de um esforço contra [o Estado Islâmico do Iraque e da Síria] e um processo político na Síria, isso levanta a tensão", disse Tom Donilon, o ex-conselheiro de segurança nacional do presidente Obama. "A Arábia Saudita olha em volta e vê o que o Irã está fazendo em Beirute e em Damasco e em Sanaa e em Bagdá e se sente, eu acho, ameaçada. E isso também reflete essa competição por influência na região entre a Arábia Saudita e o Irã."