Delcídio cita Aécio Neves que já foi citado pelo doleiro Alberto Yousseff


Aécio Neves tem culpa nas mãos, diz Delcídio

Delcídio do Amaral citou o presidente do Senado, Renan Calheiros, e Aécio Neves, entre outros senadores, em seu acordo de delação premiada.

Aécio Neves, presidente do PSDB, já foi citado pelo doleiro Alberto Yousseff e por Carlos Alexandre Rocha, o Ceará, responsável pela entrega do dinheiro. Os procedimentos, no entanto, já foram arquivados. Ainda segundo a Folha, a menção a Renan Calheiros, teria sido lateral. O presidente do Senado é investigado em seis inquéritos sob suposta ligação com desvios da Petrobras.

Meu melhor palpite, baseado na evidência.

Aécio não é um acidente empurrado pelo destino em uma festa de quem não merece. Ele é um espelho do que o país se tornou. Ele é, simplesmente, uma manifestação particularmente embaraçosa da aversão do que os partidos pregam de verdade, apelos ao medo, imunidade a razão, e denúncias contra os que não andam conforme o jogo do PSDB.

Confrontado com tais detritos, parece quase trivial para Aécio analisar as consequências políticas que certas acusações podem trazer para seu partido já enfraquecido.


RECOMENDADO: