Estado Islâmico ameaça o Brasil, diz a Abin


Estado Islâmico ameaça o Brasil, diz a Abin

Brasil é um terreno fértil para o mendo.

O terrorista francês Maxime Hauchard, que é membro do Estado Islâmico, mandou recado ao país. "Brasil, vocês são nosso próximo alvo. Podemos atacar esse país de merda”, disse. A mensagem foi publicada no perfil do terrorista no Twitter em novembro de 2015, e segundo a (Abin), o perfil não é falso e pertence ao terrorista que aparece em vídeos do Estado Islâmico decapitando sírios.

De acordo com a Agência Brasileira de Inteligênciaa ameaça foi feita uma semana após os atentados de 13 de novembro na França, que provocaram a morte de 129 pessoas.

Luiz Alberto Sallaberry, diretor de Contraterrorismo da Abin, disse que a agência tem monitorado mensagens que possam servir de alerta para possíveis ataques. “Monitoramos e percebemos que o perfil realmente era do Maxime, um dos líderes do Estado Islâmico. A partir do momento da postagem houve uma maior intensidade nos discursos de agressividade dos autoproclamados seguidores do grupo terrorista no Brasil (...) Maxime é uma espécie de garoto-propaganda do ISIS.

Segundo Sallaberry, simpatizantes do grupo já foram localizados no país e, classificados como “lobo solitários”, são motivo de preocupação para o governo brasileiro. “Posso dizer que são de origem salafista sunita, comunidade que está ligada ao ISIS. Não estou dizendo que vai acontecer um atentado. Estou dizendo que é a primeira vez que a probabilidade aumentou em nosso país”, afirmou.

Brasil não faz guerras. E nem se protege delas!