Criptografia faz agências de inteligência tomarem outro rumo


Criptografia - MichellHilton.com

O uso crescente de tecnologias de criptografia em e-mails todos os dias fazer as agências de inteligência tomarem outro rumo para interceptarem conversas online, um ex-chefe da GCHQ relatou.

David Omand avisou que haveria uma maior intrusão na privacidade das pessoas, e não menos, se as agências não fossem capazes de interceptar comunicações.

Ele explica que correria o risco de interceptação inadvertida de terceiros, o que seria uma posição eticamente pior do que a vigilância em massa.

Empresas norte-americanas, como a Apple e o Google estão introduzindo opções de criptografia mais sofisticadas para os seus clientes enquanto sinalizam sua falta de vontade de cooperar plenamente com as exigências do governo para obter dados de seus usuários.

Uma maneira de contornar problemas de leitura de mensagens criptografadas em serviços como o WhatsApp e iMessage é invadir diretamente os computadores das pessoas, telefones e outros dispositivos, e monitorar as mensagens no momento em que elas são escritas.

Isso não é tão crítico. Ainda não é!