Governo de Erdogan aumenta a probabilidade de uma execução em massa


Erdogan execuções em massa - MichellHilton.com

Parece loucura que um país com destaque no cenário mundial possa executar 13.000 de seus próprios cidadãos em uma purga sangrenta, mas uma série de declarações feitas por Erdogan, imagens perturbadoras das condições dos prisioneiros e as denúncias de tortura sugerem isso.

Autoridades turcas detiveram mais de 13.000 pessoas que se acredita estarem ligadas à tentativa de golpe, mas o país de Erdogan também tem eviscerado o setor de serviços públicos suspendendo mais de 60.000 educadores, juízes e policiais.

O governo Erdogan aumenta a probabilidade de uma execuções em massa.

A Turquia encontra-se agora em um estado de abandono, na sequência de uma fracassada tentativa de golpe que deixou pelo menos 246 mortos e mais de 2.000. As forças golpistas, que se diziam ser um Conselho de Paz, abriram fogo contra civis com helicópteros, tanques e rifles automáticos.

Será que o regime Erdogan saiu fora dos trilhos? Em uma declaração do próprio Erdogan pedindo execuções em massa a perspectiva permanece quase impensável, embora só o tempo dirá.

RECOMENDADO: