Comissão Europeia quer de todas as formas saquear os cofres da Apple


Apple - MichellHilton.com

Irlanda tenta recuperar até 14,5 bilhões de dólares em impostos não pagos da Apple.

A decisão é de longe a maior da União Europeia contra uma única empresa, o que poderia desencadear uma fila enorme sobre a forma como a Europa trata grandes empresas norte-americanas.

A empresa vai recorrer da decisão. A Apple disse que a decisão inverteu o sistema fiscal internacional e isso prejudicaria empregos e investimentos na Europa. A Irlanda também pretende apelar e continuar na sua ambição de saquear os cofres da empresa.

A Comissão disse que o governo irlandês tinha concedido um auxílio estatal ilegal para a Apple, ajudando o gigante da tecnologia a reduzir artificialmente a sua fatura fiscal por mais de 20 anos.

A Irlanda fez o que fez para que eles pudessem ter mais negócios norte-americanos no país. Um pouco de imposto é melhor do que nenhum imposto.

Além disso, faz sentido que a Apple tenha uma presença enorme na União Europeia, independentemente de sua sede principal ser nos EUA ou não, uma vez que a UE é um mercado enorme, com grande poder de compra.