Comboio da ONU em Aleppo não foi atingido por ataque aéreo


Comboio da ONU em Aleppo não foi atingido por ataque aéreo - MichellHilton.com

A Rússia diz que não há sinais que indicam que um comboio das Nações Unidas (ONU) que foi aparentemente atacada na província síria de Aleppo na segunda-feira tenha sido atingida por um ataque aéreo.

Igor Konashenkov, o porta-voz do Ministério da Defesa russo, disse em um comunicado na terça-feira que um estudo atento das imagens de vídeo capturado por um drone russo não revelou sinais de que munições possam ter atingido o comboio de ajuda.

"Nós estudamos atentamente as imagens de vídeo de onde o incidente ocorreu e nós não encontramos quaisquer sinais de que qualquer munição tenha atingido o comboio. Não há crateras, os veículos permanecem com seus chassis intactos e eles não foram severamente danificados, o que teria sido o caso de um ataque aéreo", disse Konashenkov.

Ele concluiu que "o comboio pegou fogo, estranhamente aconteceu quase exatamente ao mesmo tempo em que os militantes iniciaram uma ofensiva em grande escala em Aleppo."

Konashenkov disse que o comboio estava em uma área em Aleppo que tinha sido controlada por militantes. Ele disse que a Rússia tinha usado drones para monitorar o comboio, mas só até certo ponto.