Cunha caiu...


Cunha caiu...

Eduardo Cunha (PMDB-RJ) teve o mandato cassado pela Câmara dos Deputados - com 450 votos a favor, dez contra e e nove abstenções - na noite de segunda-feira (12). Ele era acusado de quebra de decoro parlamentar ao negar a existência de contas bancárias na Suíça na CPI da Petrobras.

A cassação do mandato do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha, já era tratada como "morte anunciada" pelos interlocutores do presidente Michel Temer e aguardada pelo Palácio do Planalto. Temer passou o dia cumprindo agendas de trabalho e reforçou o discurso do governo de que a decisão era de outro poder: a Câmara.