RIP BlackBerry...


RIP BlackBerry...

A BlackBerry confirmou nesta quarta-feira, 28, os rumores de que encerraria sua divisão de smartphnes. John Chen, CEO da empresa, declarou que o objetivo é se concentrar em produtos de segurança e de software, e que os dispositivos serão produzidos por outras fabricantes.

“A companhia pretende encerrar o desenvolvimento interno de hardwares e vai terceirizar essa função para seus parceiros”, afirmou o CEO John Chen em um comunicado oficial. “Estamos atingindo um ponto de inflexão com nossa estratégia. Nossa base financeira é sólida, e nossa mudança para o software está tomando o controle”.

A partir de agora, o foco será o setor empresarial e os governos, e não diretamente o consumidor. Os resultados financeiros da BlackBerry, anunciados hoje, mostram um crescimento de 30 por cento na receita do segmento de software e serviços, o que não foi o suficiente para superar as perdas. A receita de 334 milhões de dólares não se aproximou da perda líquida, de 372 milhões de dólares.