A CIA pretende lançar ataques cibernéticos contra a Rússia


A administração Obama está contemplando uma ação secreta cibernética sem precedentes contra a Rússia em retaliação pela alegada interferência russa na eleição presidencial norte-americana, os oficiais de inteligência dos EUA disseram à NBC News

A administração Obama está contemplando uma ação secreta cibernética sem precedentes contra a Rússia em retaliação pela alegada interferência russa na eleição presidencial norte-americana, os oficiais de inteligência dos EUA disseram à NBC News.

Funcionários atuais e antigos com conhecimento direto da situação dizem que a CIA foi convidada para a operação "clandestina", projetada para perseguir e "constranger" a liderança do Kremlin.

As fontes não entraram em detalhes sobre as medidas exatas da CIA, mas disseram que a agência já tinha começado a abrir as portas cibernéticas, a seleção de alvos e fazendo outras preparações para uma operação. Ex-oficiais de inteligência disseram à NBC News que a agência quer reunir documentos que possam expor o presidente russo, Vladimir Putin.

MANCHETE SOBRE O ASSUNTO: CIA Prepping for Possible Cyber Strike Against Russia