Celso Russomanno da calote em trabalhadores


Patrulha do Consumidor nele

Eu não desejo um dia viver sob um governo liderado por Russomanno.

"Celso caloteiro, eu quero o meu dinheiro." As palavras de ordem foram ouvidas na tarde desta quarta-feira (5) em frente à sede do PRB, partido de Celso Russomanno, que concorreu à Prefeitura de São Paulo na última eleição.

Cerca de 30 pessoas passaram o dia no local reivindicando o pagamento do trabalho de cabo eleitoral que dizem ter feito na campanha de Russomanno. Os manifestantes afirmam que as quantias - que seriam de R$ 50 a R$ 100 por dia de trabalho - deveriam ter sido depositadas no último dia 30. Até agora, apenas uma parte do grupo teria recebido o valor.

Os manifestantes aproveitaram, ainda, para reclamar das condições de trabalho. Segundo eles, a carga horária era de 12 horas diárias e a comida oferecida fez com que vários ficassem doentes. "A comida era doação, não sabíamos de onde vinha. Era um lixo, eu mesma passei mal", disse Marília Aparecida, 28.

"Patrulha do Consumidor nele".