Rússia introduziu um novo míssil nuclear chamado 'Satan 2'


No domingo, a mídia estatal russas revelou um novo míssil balístico intercontinental (ICBM), o RS-28 Sarmat, ou o "Satan 2" como a NATO chama

No domingo, a mídia estatal russas revelou um novo míssil balístico intercontinental (ICBM), o RS-28 Sarmat, ou o "Satan 2" como a NATO chama.

O novo Satan 2 tem em grande parte as mesmas capacidades que o Satan: Ambos os mísseis podem atingir as costas leste e oeste dos EUA, ambos podem viajar milhas em um único segundo, muitas vezes mais rápido do que a velocidade do som, e ambos podem transportar várias ogivas segmentáveis.

Ambos os mísseis também usam uma mistura de combustível líquido, uma configuração menos estável, mais volátil do que as armas de combustíveis sólidos preferidas dos EUA.

A nova bomba do Kremlin é 2.000 vezes mais potente que a bomba de Hiroshima.

Satan 2 estão equipados com ogivas que poderiam liberar uma força explosiva de 40 megatons.

Graças a uma velocidade de 7 quilômetros por segundo, o "RS-28 Sarmat" também se destina a substituir os sistemas de defesa antimísseis existentes.