Explosão atinge cidade de maioria curda na Turquia


Em uma declaração após o incidente, o governador da província de Diyarbakir disse que a explosão foi causada por um carro-bomba, acrescentando que militantes do PKK podem estar por trás do ataque

Um atentado na maior cidade da região de maioria curda no país ocorre após a prisão de parlamentares sob acusação de colaborarem com PKK. Governo impõe bloqueios temporários à imprensa e às redes sociais. Uma explosão matou ao menos oito pessoas e feriu outras 30 em Diyarbakir, a maior cidade da região de maioria curda na Turquia. O incidente, nesta sexta-feira (04/11), ocorreu horas após a prisão de membros da agremiação política pró-curda Partido Democrático dos Povos (HDP).

A mídia turca informou que ambulâncias foram enviadas ao local da explosão.

Em uma declaração após o incidente, o governador da província de Diyarbakir disse que a explosão foi causada por um carro-bomba, acrescentando que militantes do PKK podem estar por trás do ataque.