Goleiro Danilo morre em acidente aéreo da Chapecoense


O goleiro de 31 anos foi levado com vida ao hospital, mas não resistiu. Ele fez defesa espetacular que garantiu a vitória sobre o San Lorenzo

O goleiro de 31 anos foi levado com vida ao hospital, mas não resistiu. Ele fez defesa espetacular que garantiu a vitória sobre o San Lorenzo.

O goleiro Danilo, destaque da Chapecoense na vitória sobre o San Lorenzo que classificou o time catarinense à final da Sul-Americana, não resistiu aos ferimentos da queda do avião da equipe, na Colômbia, e morreu no hospital, em Medellín, na manhã desta terça-feira.

Danilo estava entre os três atletas encontrados com vida, ao lado de Alan Ruschel e Jackson Follman, mas não resistiu. O jogador de 31 anos estava na Chapecoense desde 2013 e era um dos grandes ídolos da torcida.