Opep corta e preço salta


A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) fechou seu primeiro acordo para corte de produção desde 2008

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) fechou seu primeiro acordo para corte de produção desde 2008. Segundo comunicado oficial da entidade, o nível de produção será reduzido dos atuais 33,6 milhões de barris diários para 32,5 milhões - queda de 3,27 por cento. O acordo está em linha com a proposta da Argélia. A decisão fez o preço do barril do petróleo disparar nesta quarta-feira (30), assim como a cotação das petroleiras no mundo todo. A decisão é a primeira em oito anos e visa estimular a alta dos preços.