Trump manda recado ao 'The New York Times'


O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, usou sua conta de Twitter nesta quarta-feira para refutar reportagens sobre problemas em sua equipe de transição, criticando em especial o jornal New York Times por dizer que líderes de todo o mundo têm tido dificuldades para contatá-lo

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, usou sua conta de Twitter nesta quarta-feira para refutar reportagens sobre problemas em sua equipe de transição, criticando em especial o jornal New York Times por dizer que líderes de todo o mundo têm tido dificuldades para contatá-lo.

Trump, cujo uso agressivo do Twitter contra rivais foi um elemento-chave de sua campanha presidencial, tuitou uma lista de diversos líderes mundiais com os quais conversou desde sua vitória surpreendente na eleição presidencial de 8 de novembro.

"Recebi e aceitei ligações de muitos líderes estrangeiros, apesar do que o equivocado @nytimes disse. Rússia, Reino Unido, China, Arábia Saudita, Japão", disse o republicano e magnata do setor imobiliário em uma postagem matutina na rede social.

"Austrália, Nova Zelândia e mais. Estou sempre disponível para eles. O @nytimes só está aborrecido por terem parecido tolos na cobertura a meu respeito", continuou Trump.