Itália vota não

O premiê italiano, Matteo Renzi, disse que vai renunciar depois de uma dolorosa derrota no domingo em um referendo sobre propostas de reforma constitucional

O premiê italiano, Matteo Renzi, disse que vai renunciar depois de uma dolorosa derrota no domingo em um referendo sobre propostas de reforma constitucional.

"Meu governo termina aqui", disse Renzi em um discurso à nação, quanto os resultados da votação sugeriram que o 'Sim' estava perdendo o referendo.

Renzi disse que ele assumiu total responsabilidade pela derrota "extraordinariamente clara" e que na segunda-feira à tarde ele iria convocar seu gabinete e, em seguida, anunciar sua renúncia ao presidente Sergio Mattarella.