EUA: Jornal 'infame' celebra execução de embaixador russo

Enquanto os lideres mundiais e as pessoas comuns expressam seu repúdio em relação ao assassinato do embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov, o colunista do New York Daily News (NYDN) celebrou abertamente esta execução pública, dizendo que foi um exemplo de "ter sido feita justiça"

Enquanto os lideres mundiais e as pessoas comuns expressam seu repúdio em relação ao assassinato do embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov, o colunista do New York Daily News (NYDN) celebrou abertamente esta execução pública, dizendo que foi um exemplo de "ter sido feita justiça".

"Sendo o homem de Vladimir Putin na Turquia, Karlov era o rosto público que representava os crimes de guerra cometidos por este ditador homicida em todo o mundo, bem como da opressão interna", escreveu o jornalista Gersh Kuntzman no New York Daily News. "Eu, pessoalmente, não derramarei nem uma lágrima por Andrei Karlov."
Loading...