EUA usam base em Ramstein para atividades 'extralegais'

O governo alemão admitiu atividades "extralegais" realizadas por militares norte-americanos na base de Ramstein

O governo alemão admitiu atividades "extralegais" realizadas por militares norte-americanos na base de Ramstein.

Após ser repetidamente interpelado pelo partido de oposição Die Linke, o governo da Alemanha admitiu que a Força Aérea norte-americana usa a base de Ramstein para controlar ataques de drones no âmbito de operações antiterroristas e também para realizar assassínios ilegais.

MANCHETE SOBRE O ASSUNTO: Berlim confessa: EUA usam base em Ramstein para atividades 'extralegais' com drones