Facebook e Whats caem na rede da UE

UE diz que Facebook deu informações falsas ao comprar Whatsapp

Órgãos de fiscalização da concorrência na União Europeia (UE) acusaram o Facebook de fornecer informações enganosas durante a aquisição do WhatsApp, abrindo espaço para possível cobrança de multa de 1% sobre o valor do faturamento.

Em comunicado divulgado nesta terça-feira (20), a Comissão Europeia informou, contudo, que as objeções não devem comprometer a aprovação da fusão avaliada em 22 bilhões de dólares em 2014.