EI reivindica ataque ao clube Reina

Estado Islâmico assume ataque que matou 39 em Istambul: o que se sabe até agora

Em um comunicado, o grupo militante saudou o "heroico soldado do califado" que realizou o ataque no popular clube Reina, que deixou 39 mortos e 69 feridos, quatro em estado grave.

Acredita-se que o atirador tenha mudado de roupa antes de escapar.

Loading...