sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Michell Hilton

Próximo adversário de Anderson Silva é preso nos EUA

Nick Diaz foi detido no último sábado após dirigir embriagado. Ele está escalado para enfrentar o brasileiro em janeiro de 2015, em Las Vegas

Próximo adversário de Anderson Silva é preso nos EUA

O lutador americano Nick Diaz, que o brasileiro Anderson Silva vai enfrentar em seu aguardado retorno ao UFC, foi preso em Lodi, Califórnia, nos Estados Unidos, no último dia 6. De acordo com a imprensa local, Diaz foi detido sob acusação de dirigir embriagado e com a carteira de habilitação vencida. 

O caso só se tornou público nesta sexta-feira. “Nós estamos cientes da situação. Nós entendemos que há um processo legal em andamento e que Nick Diaz terá a oportunidade de lidar com essa situação no futuro próximo”, diz o comunicado do UFC, dando a entender que a luta contra Anderson Silva, marcada para 31 de janeiro de 2015, no UFC 185, em Las Vegas, está mantida.

De acordo com o jornal, Diaz foi preso durante a madrugada do último sábado por volta das 2h20 da manhã (horário local). O lutador de 31 anos não resistiu à prisão, mas atrapalhou o trabalho dos policiais na delegacia e vai responder por obstrução e destruição de provas. 

Segundo jornal da cidade, ele preferiu realizar um teste de bafômetro, em vez de exame de sangue, mas pediu repetidas vezes para ir ao banheiro, onde forçou o vômito, para tentar mascarar a bebedeira. Nick Diaz foi liberado ainda durante a manhã de sábado após pagamento de fiança e responderá em liberdade aoi processo.
Diaz tem um histórico controverso dentro do UFC. 

Ele já foi flagrado duas vezes em exames antidoping por uso de maconha, mas alegou ter licença para o uso terapêutico de erva medicinal no estado da Califórnia. Em sua última luta, ele foi derrotado por Georges St-Pierre na disputa do cinturão dos pesos-meio-médios do UFC, em março de 2013.




Comente com o Facebook: