sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Michell Hilton

Suspeito de ebola diz que não teve contato com infectados na África! Humm

O primeiro paciente hospitalizado com suspeita de ebola no Brasil afirmou que não teve contato com pessoas ou cadáveres infectados pela doença na África. 


Segundo o Ministério da Saúde, Souleymane Bah também disse que não se sentiu mal durante a viagem que fez da Guiné, em 18 de setembro. A pasta ainda informou, em coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira, que o quadro de saúde do paciente é estável.

De acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, o Instituto Evandro Chagas está processando o exame para confirmar se o diagnóstico é de ebola. O resultado está previsto para sair entre 8 e 10 horas da manhã deste sábado, mas pode ser divulgado antes.

Na tarde de quinta-feira, Souleymane Bah, um missionário de 47 anos, procurou atendimento na UPA Brasília II, em Cascavel, e relatou ter tido febre pela manhã e no dia anterior. No momento do atendimento, a sua temperatura estava em 36,6 graus e ele não apresentava hemorragia, vômitos ou outros sintomas característicos do ebola. Mesmo assim, pelo histórico de febre e por ter vindo da Guiné, o paciente foi considerado como suspeito de ter contraído a doença.