domingo, 14 de dezembro de 2014

Michell Hilton

União Europeia condena Turquia! por prisão de jornalistas

A União Europeia divulgou um comunicado oficial, condenando a ação do governo turco, cuja polícia invadiu instalações de meios de comunicação ligados a um opositor do governo e prendeu 24 pessoas, incluindo executivos e ex-chefes de polícia.

Turquia

"As batidas policiais e prisões de vários jornalistas e representantes da mídia na Turquia hoje são incompatíveis com a liberdade dos meios de comunicação, que é um princípio essencial da democracia", disseram a chefe de política externa da UE Federica Mogherini e o Comissário Johannes Hahn em declaração conjunta.

"Esta operação vai contra os valores e normas europeus, que a Turquia aspira a ser parte", disseram eles, que esperam que “que o princípio da presunção da inocência prevaleça” e ressaltam “o inalienável direito a uma investigação independente e transparente, com pleno respeito aos direitos dos acusados, no caso de ter havido algum delito”.

Eles lembraram ainda que “qualquer passo para a adesão de qualquer país candidato à União Europeia depende do pleno respeito às leis e aos direitos fundamentais... esperamos que o forte compromisso que nos expressaram as autoridades turcas durante nossa visita se converta em ações”.