27/02/2015

Líder da oposição russa Nemtsov é morto a tiros em Moscou


O líder da oposição russa Nemtsov foi morto a tiros em Moscou. Boris Nemtsov levou quatro tiros em tiroteio perto do Kremlin.

Líder da oposição russa Nemtsov é morto a tiros em Moscou

Boris Nemtsov, opositor do presidente Vladimir Putin, foi assassinado em Moscovo. De acordo com as primeiras informações, Nemtsov foi abatido com quatro tiros no peito. Tinha 55 anos.

O político liberal foi um dos protegidos de Boris Yeltsin na década de noventa. Em março de 1997 chegou ao posto de primeiro-ministro adjunto com a pasta e a missão de reformar o setor energético. A carreira fulgurante de Nemtsov transformou-o num potencial sucessor de Boris Yeltsin. Mas a crise financeira de 1998 seria fatal para as suas aspirações. Quando Yelstin abandonou o poder nas mãos de Vladimir Putin, Nemtsov tornou-se numa das vozes mais críticas do Kremlin.

Nemtsov era mais conhecido como o primeiro governador do Nizhny Novgorod Oblast (1991-1997). Mais tarde, ele trabalhou no Governo da Rússia como ministro de Combustível e Energia (1997), o vice-premiê da Rússia e do Conselho de Segurança membro de 1997 a 1998. Em 1998, ele fundou a Novo Rússia movimento.


Se você gosta dos relatórios de MichellHilton.com, deixe (seu e-mail aqui) para se inscrever no meu boletim informativo semanal.