quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Michell Hilton

Papa aprova martírio para arcebispo assassinado Oscar Romero!

Papa Francisco decretou terça-feira que o arcebispo salvadorenho Oscar Romero foi morto em 1980 por ódio à sua fé católica, aprovando uma declaração martírio que prepara o terreno para sua beatificação.

Papa aprova martírio para arcebispo assassinado Oscar Romero!

Francisco, o primeiro papa latino-americano, aprovou o decreto homenageando um dos heróis dos cristãos latino-americanos em uma reunião com o chefe do escritório de criação de santos do Vaticano.

Romero, arcebispo de San Salvador, foi morto a tiros por esquadrões da morte de direita 24 de março de 1980 enquanto celebrava a missa. Um militante dos direitos humanos, Romero tinha falado contra a repressão pelo exército salvadorenho no início do país 1980-1992 civis guerra entre o governo de direita e os rebeldes de esquerda.

Seu assassinato pressagiava um conflito que matou quase 75.000.