22/03/2015

Rebeldes Houthi assumiram o aeroporto de Taiz!


Rebeldes Houthi apreenderam um aeroporto internacional no Iêmen domingo no mesmo dia que um enviado da ONU alertou que o país estava em "à beira da guerra civil."

Rebeldes Houthi assumiram o aeroporto de Taiz!

Militantes Houthi assumiram o aeroporto em Taiz ... um civil foi morto e 82 ficaram feridas quando os rebeldes dispararam contra os residentes locais protestando pela sua presença, disseram as autoridades.

Os rebeldes também apreenderam edifícios de segurança e inteligência em Taiz e montaram postos de controle na área, disseram as autoridades. Taiz, a cerca de 390 km (240 milhas) ao sul de Sanaa, é capital cultural do Iêmen.

Os rebeldes - muçulmanos xiitas que há muito tempo se sentiram marginalizados no país pela maioria sunita - cercaram o palácio presidencial em janeiro. O presidente do Iêmen e seu gabinete renunciou dias depois.

O presidente Abdu Rabu Mansour Hadi disse que sua demissão não era válido e afirma que ele continua sendo o líder do país.

Em um comunicado divulgado no domingo, o Conselho de Segurança das Nações Unidas apoiou Hadi, apelando para todos os lados para acabar com as hostilidades armadas e trabalhar as diferenças na mesa de negociações.

"O diálogo pacífico é o único caminho a seguir", disse Jamal Benomar, assessor especial da ONU sobre o Iêmen.

Há preocupações crescentes de que grupos terroristas como a Al Qaeda na Península Arábica e ISIS poderiam tirar proveito do caos para montar ataques e espalhar-se pelo país todo.

Atentados em duas mesquitas em Sanaa, na semana passada matou pelo menos 137 pessoas e feriu centenas. ISIS reivindicou a autoria dos ataques.


Se você gosta dos relatórios de MichellHilton.com, deixe (seu e-mail aqui) para se inscrever no meu boletim informativo semanal.