sexta-feira, 8 de maio de 2015

Michell Hilton

Os novos passaportes de Lugansk depois de independência da Ucrânia

Aqueles que fazem dezesseis anos de idade em Lugansk (Ucrânia) recebem novos passaportes que não têm nada a ver com a Ucrânia.

A capa do documento lê "Lugansk República Popular". Os proprietários de novos passaportes olham bastante satisfeitos. Donetsk e Lugansk declaram independência da Ucrânia!

Os novos passaportes de Lugansk!

Os novos passaportes de Lugansk!

As regiões separatistas de Donetsk e Lugansk declararam sua independência da Ucrânia, um dia depois dos referendos em que a esmagadora maioria dos votantes apoiou a secessão.

O presidente autoproclamado de Donetsk (leste), Denis Pushilin, proclamou "a República Popular de Donetsk", "na sequência da expressão de vontade do povo" e "por forma a restaurar a justiça histórica", e pediu a integração na Rússia.

Em Lugansk (leste), as autoridades autoproclamadas leram a "proclamação da República Popular de Lugansk" num comício no centro da capital regional, pouco depois do anúncio de Donetsk.

"O povo de Lugansk proclama a criação do Estado soberano da República Popular de Lugansk", afirma a declaração. "Em conformidade com o direito internacional, o seu território e as suas fronteiras são indivisíveis e invioláveis", acrescenta.