quarta-feira, 17 de junho de 2015

OMS: Surto MERS da Coreia do Sul não é uma emergência pública


OMS: Surto MERS da Coreia do Sul não é uma emergência pública

Apesar de chamar o recente surto do vírus (MERS) na Coréia do Sul a OMS diz que ainda está longe de ser uma emergência de saúde pública.

O anúncio, que saiu da reunião do comitê de emergência de terça-feira, foi feita mesmo com o número de casos relatados do MERS ter para 162, e o número de mortos aumentado para 20.

Enfatizando o papel que a centros de saúde têm desempenhado na propagação do vírus, a OMS teria dito que não há indícios de que o surto MERS tem sofrido quaisquer mutações que o tornam mais difícil de tratar, em comparação com outros lugares, especialmente na Arábia Saudita.

Mais de 6.500 pessoas permanecem em quarentena na Coréia do Sul, informou a Reuters, e todas as mortes foram pacientes idosos ou que tinham condições médicas pré-existentes.

INSCREVA-SE NA NEWSLETTER!