quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

José Yunes pede demissão


Citado em delação da Odebrecht, assessor especial de Temer pede demissão

A delação do ex-executivo da Odebrecht Cláudio Melo Filho resultou, nesta quarta-feira, 14, na primeira baixa do governo do presidente Michel Temer. A assessor especial da Presidência e amigo de Temer há 50 anos, José Yunes, entregou sua carta de demissão no início da tarde desta quarta.



Você tem um blog? Você quer colocar as análises de MichellHilton.com em seu blog/site? Ajude-nos a ajudar você. Envie um e-mail para MichellHilton@Outlook.com.

Assine nossa newsletter

Visão 2030