sexta-feira, 28 de julho de 2017

Maduro proíbe manifestações


Maduro, Venezuela

A partir desta sexta-feira, o governo da Venezuela passa a considerar ilegais os protestos que de alguma forma possam atrapalhar a realização das eleições deste domingo. Quem desrespeitar a determinação pode pegar dez anos de prisão. Nicolás Maduro faz de tudo para garantir que seu plano se concretize.



Se você gosta dos relatórios de MichellHilton.com, deixe (seu e-mail aqui) para receber minhas atualizações.

[Sem fotos não há direitos autorais!]