domingo, 19 de novembro de 2017

O regime do Irã pode estar com os dias contados

Arábia Saudita pede a outras nações árabes atitude contra o regime do Irã

A Arábia Saudita e outros ministros árabes realizaram uma reunião de emergência no Cairo, o objetivo é discutir formas de enfrentar o Irã e seu aliado xiita libanês Hezbollah, que os aliados árabes dizem estar interferindo em seus assuntos internos.

Hezbollah, uma força militar e um movimento político no Líbano, faz parte de um governo libanês formado por facções rivais e um aliado do presidente Michel Aoun.

Aoun acusou a Arábia Saudita de manter Hariri como refém. Arábia Saudita e Saad Hariri negaram essas acusações sem fundamentos.