domingo, 10 de dezembro de 2017

Trump enfureceu o mundo árabe


O reconhecimento de Jerusalém por Trump enfureceu o mundo árabe e enfureceu os aliados ocidentais, que dizem ser um golpe para os esforços de paz na região.

Israel diz que toda Jerusalém é sua capital.

O governo do Líbano, que abriga cerca de 450 mil refugiados palestinos, condenou a decisão de Trump. O presidente libanês Michel Aoun, na semana passada, chamou a mudança de ameaça para a estabilidade regional.


INSCREVA-SE NA NEWSLETTER!