quarta-feira, 11 de abril de 2018

Facebook pode processar a Cambridge Analytica


Mark Zuckerberg deixou em aberto a possibilidade de o Facebook processar a Cambridge Analytica

Mark Zuckerberg deixou em aberto a possibilidade de o Facebook processar a Cambridge Analytica, empresa afiliada à campanha de Donald Trump, que adquiriu indevidamente dados de 87 milhões de usuários do Facebook.

"É algo que estamos investigando", disse Zuckerberg.

Zuckerberg disse que o Facebook está investigando Aleksandr Kogan, cientista da Universidade de Cambridge cujo quiz a empresa diz ter coletado os dados de dezenas de milhões de usuários do Facebook, terminando nas mãos da Cambridge Analytica. O Facebook baniu Kogan da rede social.

Zuckerberg também tentou acabar com as preocupações sobre a capacidade do Facebook de corrigir o que aconteceu, dizendo que a empresa está fazendo uma auditoria na Cambridge Analytica para determinar o que aconteceu e recuperar os dados. No entanto, seus comentários na audiência de terça-feira deixaram claro que, se a Cambridge Analytica estiver hospedando os dados em um país estrangeiro, pode ser um desafio para o Facebook acessá-los.


INSCREVA-SE NA NEWSLETTER!