terça-feira, 17 de julho de 2018

Fatos interessantes sobre o Goldman Sachs

Os judeus representam menos de 0,003 por cento da população mundial. Se a maioria das pessoas-chave do Goldman Sachs são judeus, os judeus são representados em excesso? Em 2010, 7 dos 9 executivos do topo eram homens judeus. O novo CEO foi anunciado hoje (David Solomon). Um homem judeu vai substituir outro homem judeu.

A duração média dos empregados no Goldman em 2011 foi de 5,5 anos, acima dos 5 anos em 2008 e 4,5 anos em 2001.

Da multa de 550 milhões que pagou à SEC ao reconhecer que enganou os investidores, apenas 250 milhões foram destinados aos investidores prejudicados. O resto foi embolsado pelo Tesouro dos EUA.

"No mundo do Goldman Sachs, as Ilhas Cayman são maiores que a América do Sul e as Ilhas Maurício são maiores que a África."

Um terço das entidades corporativas do Goldman Sachs (mais de 4 mil) estão registradas em nações que podem ser descritas como paraísos fiscais.

60 por cento dos principais executivos do Goldman são judeus.