quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Nissan confirmou a demissão de Carlos Ghosn

O conselho de administração da Nissan confirmou a demissão do brasileiro Carlos Ghosn, preso no Japão por crimes financeiros.

Fonte: ISTOÉ