sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Tim Leissner destruiu a reputação do Goldman Sachs

Tim Leissner, um dos principais banqueiros do banco Goldman Sachs na Ásia, recentemente se declarou culpado por participar de uma conspiração para roubar bilhões de dólares de um fundo da Malásia, o 1MDB.

VEJA TAMBÉM: O melhor conselho que você terá hoje

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DOJ) diz que 4.5 bilhões de dólares foram saqueados, essencialmente de malaios.

As ações do Goldman caíram 7 por cento em um dia, seu maior declínio em 7 anos. David Solomon, CEO do Goldman Sachs, respondeu: "Estou pessoalmente indignado com o fato de que qualquer funcionário da empresa realize essas ações descritas ..."

Mas sua indignação não significa nada.

De muitas maneiras, o Goldman Sachs opera como qualquer outro banco.