domingo, 17 de março de 2019

Facebook lutou contra os vídeos do ataque na Nova Zelândia

O Facebook removeu 1,5 milhão de cópias do vídeo do ataque terrorista na Nova Zelândia (só nas primeiras 24 horas), destacando o enorme desafio envolvido em manter o material violento e ofensivo fora da maior rede social do mundo.

Pessoas que fazem esse tipo de upload são estúpidas.