sexta-feira, 15 de março de 2019

Temendo perder o controle, Larry Page surtou

Segundo documentos judiciais revelados, o atual chefão da Alphabet, Larry Page, estava preocupado que ele pudesse perder o controle sobre a empresa que ele ajudou a fundar, o Google, se o cofundador Sergey Brin e o ex-CEO Eric Schmidt vendessem suas ações.

Page teria surtado e ameaçado pular fora se ele perdesse poder dentro da empresa.