quinta-feira, 8 de agosto de 2019

O dinheiro sujo de Eike Batista escondido no exterior

Na delação premiada do banqueiro Eduardo Plass, ele detalha ao MPF que Eike Batista, preso hoje, mantinha três contas fantasmas no exterior para a movimentação de recursos ilícitos, segundo a VEJA.

É crime atrás de crime.