quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Microsoft tem resultado inesperado no 1º tri fiscal de 2020

A Microsoft anunciou um lucro líquido de 10,7 bilhões de dólares no primeiro trimestre do ano fiscal de 2020, encerrado em 30 de setembro, um aumento de 21 por cento em comparação ao ano anterior.

A receita teve um aumento de 14 por cento e atingiu os 33,1 bilhões de dólares, resultado do aumento na demanda por programas de computação em nuvem e pelas vendas do Office.

A companhia registrou um aumento de 27 por cento da receita da área de serviços de computação em nuvem, para 10,8 bilhões de dólares, com os serviços de servidores e de computação em nuvem avançando 30 por cento, puxado pela plataforma Azure, cuja receita cresceu 59 por cento, abaixo do crescimento de 64 por cento no trimestre anterior.